Estudante é expulsa de escola por não usar sutiã e “tirar” a atenção dos professores

487

IMAGEM ILUSTRATIVA. Estudantes protestaram contra atitude da instituição e vão para aula sem sutiã

Uma estudante do 6º ano foi expulsa de uma escola por estar sem sutiã e distrair professores. Isso aconteceu na cidade de Kent, na Inglaterra.  A diretora da escola, Hillary Burkett, afirmou que a instituição possui um código de roupa profissional que se aplica a todas as alunas.

“Isso garante que as estudantes mais velhas se apresentem de forma social às mais jovens, servindo como exemplos positivos. Nas raras ocasiões em que o traje é desrespeitado, pedimos que a aluna volte para casa para se vestir novamente e assegurar que os altos padrões da escola sejam mantidos”.

A equipe da escola afirma que a menina foi mandada para casa por causa de ‘trajes inapropriados’ — e não pela falta de sutiã. De acordo com as regras da instituição, as alunas podem ir à escola com suas próprias roupas, desde que as peças sejam de estilo social.

Em solidariedade, um grupo de alunas protestou comparecendo às aulas sem sutiã. Pais, professores e moradores da cidade ficaram divididos com a situação.

Bereu niws

Essa matéria já foi vista 534