Problemas conjugais podem ter levado Sargento da PM a tentar cometer suicídio na noite desta segunda (30) em Patos. Escute

228

O sargento Garcia, lotado no 3° Batalhão de Polícia Militar, em Patos, tentou tirar a própria vida com uma pistola 380 na noite dessa segunda-feira, 30, na casa da irmã dele Maria das Graças, que mora no Jardim Queiroz, aqui em Patos.

Segundo informações repassadas pela irmã do policial ao jornalista Airton Alves da Rádio Itatiunga na manhã desta terça-feira (31/010), o sargento teria lhe confessado que estaria com problemas conjugais, quando ela (Graça) saiu para pegar água para o mesmo ouviu o estampido de disparo. A irmã do policial saiu correndo desesperada e pedindo socorro, foi quando vizinhos lhe ajudaram na situação.

O comerciante Aldan, proprietário de um mercadinho localizado vizinho a residência onde ocorreu o disparo, foi quem conseguiu convencer o policial a não cometer suicídio. Aldan contou que inclusive presenciou o policial ainda com a arma na cabeça.

Escute abaixo a reportagem produzida por Airton Alves na manhã desta terça-feira (31/10):

 

Patosonline.com

Áudio /Airton Alves – Sistema Itatiunga de Comunicação

Imagem ilustrativa (internet)

ESSA MATÉRIA JÁ FOI VISTA 365