São Bento e mais 65 cidades da Paraíba devem ser incluídas em decreto que permitirá posse de arma de fogo.veja

227

O presidente Jair Bolsonaro (PSL) deve flexibilizar a posse de armas de fogo para os moradores das cidades violentas e rurais, além de expandir as funções que exercem funções de polícia e os proprietários de programas de comunicação por meio do decreto.

Dados do IBGE e do Ministério da Saúde e do Ministério da Saúde do Reino Unido mostram que é possível manter um possível acesso a armas por moradores de cidades com taxas de homicídios superiores a dez mortes para cada 100 mil habitantes. Ao todo, 3.179 dos 5.570considerados sobre a linha de corte.

O texto pode ser melhorado em análise, os interesses podem ter até duas armas em casa. A capacidade de se tornar um armador passa a integrar as áreas rurais, públicas ou privadas para fins comerciais, além de disponibilizar funções para as funções de polícia.

Na Paraíba, de acordo com os dados do mapa da violência no Brasil, lançado em 2010, o último que fez o levantamento de cada município paraibano, 65 cidades (28.26%) estariam acima da linha de corte. O ranking é encabeçado pela região metropolitana de João Pessoa – área conurbada da capital, Cabedelo, Santa Rita e Bayeux –, onde a taxa é de 47,57 mortes por 100 mil habitantes. Campina Grande teve 32,62 mortes por 100 mil habitantes.

Completou uma lista: Conde,  Brejo do Cruz, Pedras de Fogo, Pilar, Bom Sucesso, Alhandra, Cabedelo, Mulungu, Boqueirão, Mari, Esperança, Caaporã, Duas Estradas, São Mamede, Araruna, Soledade, Juripiranga, São Sebastião do Umbuzeiro, São Vicente do Seridó, Catolé do Rocha, Patos, São Bento, Cuitegi, Prata, Guarabira, Congo, Itabaiana, Barra de Santana, Jericó, Arara, Barra de São Miguel, Itaporanga, Santa Cecília, São Miguel de Taipu, Riachão do Bacamarte, Umbuzeiro, Alcantil, Manaíra, Aguiar, Barra de Santa Rosa, Mamanguape, Serra Redonda, Aparecida, Teixeira, Serraria, Bananeiras, Mãe D’Água, São João do Tigre, Natuba, Pedro Régis, Igaracy, Monteiro, Água Branca, Pitimbu, Pocinhos, Puxinanã, Brejo dos Santos, Lagoa Seca, Areial e Taperoá.

Fonte: WSCOM

ESSA MATÉRIA JÁ FOI VISTA 814