Terça, 01 de Dezembro de 2020
00 00000-0000
Polícia Prisão

Assaltantes do RN foram presos neste sábado (31) nas cidades de Catolé do Rocha e Brejo do Cruz (PB) 

Assaltantes do RN foram presos neste sábado (31) nas cidades de Catolé do Rocha e Brejo do Cruz (PB) 

01/11/2020 16h20
1.794
Por: Mais São Bento Fonte: Jair Sampaio
 Assaltantes do RN foram presos neste sábado (31) nas cidades de Catolé do Rocha e Brejo do Cruz (PB) 

Após uma informação sigilosa ‘dando conta do paradeiro de assaltantes que sequestraram queijeiro na Zona Rural de Cruzeta’ ter chegado ao comandante do 6º Batalhão da Polícia Militar de Caicó, o Ten. Cel. Walmary Costa pediu apoio ao Coronel Campos (CPR-II / Paraíba), e três elementos foram presos: dois deles na cidade de Brejo do Cruz e outro no bairro do Tancredo Neves, em Catolé do Rocha, sertão da Paraíba.

Os elementos foram conduzidos pela Polícia Militar da Paraíba até à Delegacia Plantão na cidade de Caicó (RN). Antes, os policiais tentam localizar uma D-20 de cor branca que se encontra nas mãos do trio, embora outros dois veículos, sendo duas motos, tenham sido recuperados, além de parte da carga de queijo roubada do empresário Felipe Régio, no sítio Rio do Meio.

Um dos suspeitos é afilhado do Coronel Walmary Costa: “Não é falta de conselho, a gente sempre conversa com quem gostamos e faço questão de frisar que não aliso couro de ninguém, pode ser quem for, pois optar pelo mundo do crime só tem uma saída, é a cadeia, lamento, mas é assim”, disse o comandante do 6º BPM sobre a prisão caicoense de nome Alison.

Um dos suspeitos foi identificado como DAMIÃO DOS SANTOS MARTINS, ele é reservista do Exército Brasileiro do ano de 2015 em São Carlos-SP. O segundo homem preso pela PM-PB tem o nome de Alison e o terceiro elemento ainda não foi identificado.

Blog Jair Sampaio

Essa matéria já foi vista 897

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.