Quarta, 03 de Março de 2021
00 00000-0000
Polícia Prisão

Policia Federal apreende cerca de 500 comprimidos de ecstasy na cidade de Caicó, região Seridó Potiguar

Policia Federal apreende cerca de 500 comprimidos de ecstasy na cidade de Caicó, região Seridó Potiguar

10/02/2021 06h46
848
Por: Mais São Bento
Policia Federal apreende cerca de 500 comprimidos de ecstasy na cidade de Caicó, região Seridó Potiguar

A Polícia Federal, com apoio da Polícia Civil, prendeu em flagrante na tarde desta terça-feira 9 de fevereiro de 2021, em uma agência dos Correios na cidade de Caicó no Seridó Potiguar, dois homens, acusados de tráfico de drogas. Com eles foram apreendidos aproximadamente 500 comprimidos com característica de ecstasy (Uma substância psicotrópica usada frequentemente como droga recreativa. Os efeitos recreativos desejados mais comuns são aumento da empatiaestado de euforia e sensação de prazer).

A ação teve início quando a PF, utilizando o auxílio de cães farejadores, realizava inspeção nas encomendas postais no centro de distribuição dos Correios em Natal e detectou um pacote suspeito enviado de São Paulo que tinha como destinatário uma pessoa em Caicó. Os policiais federais se deslocaram até aquela cidade e aguardaram a encomenda ser retirada, oportunidade em que dois homens apareceram e foram abordados no momento em que deixavam a agência.

De imediato o pacote foi aberto e continha um carrinho de brinquedo que trazia camuflado na carroceria, um saco plástico com os comprimidos.

Clélio José de Sena Filho e o mecânico Antônio Alexandre Tavares, mossoroense receberam voz de prisão e ao serem identificados, um dos envolvidos apresentou documentação falsa. Eles foram conduzidos e autuados na Delegacia da Polícia Civil de Caícó onde foram Indiciados por tráfico interestadual de drogas e um deles, o mecânico também por uso de documento falso.

Após os procedimentos na Polícia Civil, os acusados foram encaminhados ao sistema prisional onde encontram-se a disposição da justiça. Segundo a PF, Clécio José já havia sido preso em uma operação do Ministério Público no ano de 2019.

2019.

capa

capa

Fim da linha
Essa matéria já foi vista 787

 

 

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.