Segunda, 25 de Outubro de 2021
00 00000-0000
Polícia Prisão

Homem acusado de assassinar agente socioeducativo na região de Sousa é preso em ação da Polícia Civil na Bahia

Homem acusado de assassinar agente socioeducativo na região de Sousa é preso em ação da Polícia Civil na Bahia

06/10/2021 18h16
592
Por: Mais São Bento
 Homem acusado de assassinar agente socioeducativo na região de Sousa é preso em ação da Polícia Civil na Bahia

Agentes da Polícia Civil de Sousa e da Delegacia de Homicídios de Campina Grande, com o apoio da Polícia Civil do Estado da Bahia, efetuaram na manhã desta quarta-feira (06), na cidade de Irecê-BA, a prisão de um homem acusado de ter assassinado o agente socioeducativo Hiltom Nogueira do Nascimento que tinha 65 anos.

Os agentes de investigação da Paraíba se deslocaram até onde o investigado estava homiziado, sendo logrado êxito em sua prisão. Francisco Antônio da Silva Filho, mais conhecido como "Keka", havia assassinado Hiltom no dia 03 de janeiro de 2016, no município de Santa Cruz, região de Sousa.

"Keka" foi preso no estado da Bahia por policiais da Paraíba. (Foto: Divulgação Polícia Militar).

De acordo com as investigações, o suspeito teria se desentendido com sua esposa, durante uma festa na zona rural daquele município, e algumas pessoas presentes teriam se manifestado em defesa da mulher.

Vítima: Hilton Nogueira do Nascimento. (Foto: Reprodução).

O investigado, então, foi até sua casa e voltou com uma arma. Ele atirou contra a própria companheira e saiu à procura das pessoas que teriam ‘se envolvido’ na confusão. Hiltom e outra pessoa acabou sendo atingidas por tiros, porém ele não resistiu e veio a óbito. 

Após a conclusão dos procedimentos necessários, o preso será recambiado para Sousa e ficará à disposição da Justiça.

Debate Paraíba 

Essa matéria já foi vista 467

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.