Sábado, 25 de Junho de 2022
00 00000-0000
Paraíba Religião

Pastor assembleiano que chamou fiéis de “trastes” e “lixos” se retrata

Pastor assembleiano que chamou fiéis de “trastes” e “lixos” se retrata

26/05/2022 19h39 Atualizada há 4 semanas
583
Por: Mais São Bento
Pastor assembleiano que chamou fiéis de “trastes” e “lixos” se retrata

O pastor Daniel Nunes, presidente da Assembleia de Deus em Campina Grande (PB), se retratou, por meio de um vídeo nas redes sociais, por suas duras críticas a pessoas que saem das Assembleias de Deus e abandonam usos e costumes da denominação. O líder religioso chegou a chamá-las de “lixo”.

Suas declarações repercutiram sobretudo após o pastor Silas Malafaia mostrar sua indignação, nesta sexta-feira (13).

O pastor Daniel abre o vídeo de quase sete minutos citando uma passagem bíblica de Tiago 3:2: “Porque todos tropeçamos em muitas coisas. Se alguém não tropeça em palavra, o tal é perfeito, e poderoso para também refrear todo o corpo”.

– O único da Terra que nunca tropeçou em palavras foi Jesus Cristo. Eu venho humildemente, pois antes de ser pastor eu sou crente. Humildemente venho pedir perdão a todos os nossos queridos e amados pastores juntamente com suas igrejas das mais diferentes denominações – iniciou.

De acordo com o pastor, ele mesmo considera duras suas palavras proferidas anteriormente que, de acordo com ele, tratam-se de excesso de zelo.

– Entendo perfeitamente que o erro não pode ser maior do que a prudência – assinalou.

O pastor defendeu também que todo ser humano possui o livre arbítrio para escolher a igreja onde vai cultuar a Deus, independentemente de seus usos e costumes, desde que a doutrina seja a doutrina de Deus. Usos e costumes foram justamente o cerne de sua declaração polêmica. Ele havia afirmado que questões como mulher de brinco ou homem de cabelo grande são coisas de igrejas que “aceitam tudo”.

Nos comentários do vídeo de desculpas, muitos fiéis viram nobreza no gesto do pastor e o parabenizaram.

Pleno News 

 

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.